LOGO-CICLO-DE-CONFERÊNCIAS-DAR-A-MÃO-À-SOLIDARIEDADE+-JPR-big

Já são conhecidos os vencedores dos Prémios João Pereira da Rosa 2015. Os distinguidos com este galardão, instituído pela Fundação “O Século” em 2014, para homenagear o fundador da Colónia Balnear Infantil “O Século”, foram revelados há pouco na sessão de encerramento do Ciclo de Conferências Dar a Mão à Solidariedade, que decorreu nos últimos dois dias na Instituição.

O Prémio João Pereira da Rosa, instituído pela Fundação “O Século” em 2014, tem como objetivo distinguir as entidades coletivas e individuais que se destacaram pela sua atividade e intervenção na área da Solidariedade Social no ano transato, e divide-se em três categorias: Institucional, Empresarial e Mérito.

Na categoria Institucional, o Júri decidiu atribuir o Prémio à Associação Alzheimer Portugal devido ao trabalho desenvolvido por esta Associação na divulgação da doença, promoção do seu estudo e investigação das suas causas, efeitos e tratamento. Com este prémio pretende-se ainda reconhecer a atuação da Associação Alzheimer Portugal no desenvolvimento de formas de apoio às pessoas com doença de Alzheimer, ou outra forma de demência, e aos seus cuidadores.

 Nuno Adriano Santos foi o vencedor na categoria Mérito, tendo o júri valorizado o trabalho que desenvolveu ao longo dos últimos anos ao nível do empreendedorismo social. Vencedor do Prémio Cidadãos Ativos da Europa, na Categoria de Voluntariado pelo serviço prestado à sociedade, este engenheiro de 29 anos, foi responsável pelo desenvolvimento de vários projetos de inovação social como a In-forma – Incubadora Social ou a Casa Jesus, Maria, José do Monte Pedral, da Associação do Monte Pedral, onde esteve também na origem da criação das valências de Centro de Dia, Apoio Domiciliário, Cantina Social.

Fundador e administrador da Empresa DoctorGummy (presente no programa de empreendedorismo social SHARK TANK PORTUGAL) e formador em Empreendedorismo Social da IES Social Business School, Nuno Adriano Santos é ainda promotor e empreendedor social em muitos outros projetos sociais: a Vitamina S – Certificação em Solidariedade; a Fresh4U – 1001 coisas que nunca imaginou fazer com fruta; Associação CES – Comunicação para a Economia Social; a PlanBee – Doce como o mel; a Spranger – You don’t even think; XopBiz – Compras Coletivas para empresas; a XopSocial – Compras Coletivas para a Economia Social; a XIP – Sustentabilidade do 3º sector ou a Xipbox – Incubadoras Comerciais.

Por fim, na categoria Empresarial, o Grupo Nabeiro foi escolhido pelo júri pela política de responsabilidade social e respetiva obra social desenvolvida por aquela empresa, através da Coração Delta, a associação de solidariedade social do Grupo, que promove vários projetos de voluntariado e de apoio social juntos das comunidades em que atua.

A categoria Institucional premeia as Instituições Particulares de Solidariedade Social, que mais se destaquem, através do trabalho que desenvolvem, contribuindo para a efetiva melhoria das condições de vida dos setores mais necessitados da sociedade.

Na categoria Empresarial pretende-se destacar e galardoar as empresas que mais se distingam pelo desenvolvimento e empenho de boas práticas de responsabilidade social, com vista à melhoria das condições de vida da sociedade civil, tendo especial atenção à sua intervenção ao nível da ação social.

Por último, com a categoria de Mérito a Fundação “O Século”, através deste Prémio, pretende distinguir pessoas singulares, que se destaquem pelo seu trabalho relevante na promoção ativa dos valores da solidariedade, cidadania e de respeito pelos Direitos Humanos.

Os vencedores foram escolhidos mediante proposta da sociedade civil submetida ao Júri do Prémio João Pereira da Rosa, que foi composto por 7 elementos: Presidente do Conselho de Administração; Vice-presidente do Conselho de Administração e Presidente do Conselho de Curadores da Fundação “O Século” e mais quatro elementos de reconhecido prestígio da sociedade portuguesa, convidados a cada ano pelo Conselho de Administração da Fundação “O Século”  (Presidente da Câmara Municipal de Cascais, Presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e Dr. João Pereira da Rosa, neto de João Pereira da Rosa.

Com este Prémio, a Fundação “O Século” pretende, igualmente, prestar a justa e merecida homenagem a João Pereira da Rosa, principal mentor e patrono da Colónia Balnear Infantil “O Século”, criada em 1927 pelo então Diretor do Jornal “O Século”, com o objetivo de proporcionar férias a crianças carenciadas. Este legado, que se prolonga até aos nossos dias, quase 90 anos depois, foi um dos mais representativos projetos de ação social do Século XX português, estando na génese da atual Fundação “O Século”.

 

http://oseculo.pt/fos/wp-content/uploads/2015/09/LOGO-CICLO-DE-CONFERÊNCIAS-DAR-A-MÃO-À-SOLIDARIEDADE-JPR-big.jpghttp://oseculo.pt/fos/wp-content/uploads/2015/09/LOGO-CICLO-DE-CONFERÊNCIAS-DAR-A-MÃO-À-SOLIDARIEDADE-JPR-big-150x150.jpgFundaçãoAcção SocialDivulgação CulturalJá são conhecidos os vencedores dos Prémios João Pereira da Rosa 2015. Os distinguidos com este galardão, instituído pela Fundação “O Século” em 2014, para homenagear o fundador da Colónia Balnear Infantil “O Século”, foram revelados há pouco na sessão de encerramento do Ciclo de Conferências Dar a Mão...Uma Fábrica de Amor