As contas do mês de Julho confirmam a recuperação económica da Fundação “O Século” (FOS).

Os resultados mostram (ver quadro) que a FOS recuperou em termos económicos de um prejuízo anual estrutural de cerca de um milhão de euros para uma situação de produção de resultados mensais positivos sucessivos, desde o mês de abril.

Contudo, permanecem, ainda, os problemas financeiros com a gestão da liquidez, mensalmente onerada com o serviço da dívida herdada a fornecedores e à Segurança Social e, igualmente, prejudicada com o não recebimento das receitas das rendas da BP, alvo de operações de antecipação no passado.

Mantém-se assim a previsão de resultados de exploração equilibrados para o final do ano, mesmo descontando o apoio concedido pelo Estado, através do Fundo de Socorro Social.

Contas 1.º SEMESTRE

https://oseculo.pt/fos/wp-content/uploads/2019/08/PM_013-1024x683.jpghttps://oseculo.pt/fos/wp-content/uploads/2019/08/PM_013-150x150.jpgGabinete de ComunicaçãoNotíciasAs contas do mês de Julho confirmam a recuperação económica da Fundação “O Século” (FOS). Os resultados mostram (ver quadro) que a FOS recuperou em termos económicos de um prejuízo anual estrutural de cerca de um milhão de euros para uma situação de produção de resultados mensais positivos sucessivos, desde...Uma fábrica de amor